Smashing Reader is a simple and clean RSS reader for your news. The interface, which is similar to Google Reader, lets you focus on the news, with little distractions.

You can sign up or sign in with your Google account and import the feeds automatically from Google Reader, making the transition seamless.

OR, you can read our selection of news about cool stuff, below. For browsing the news you can use the left / right keys or the arrow buttons from the top menu. To open the current news use the ALT key.
5 months ago07-09 17:20 by Blog Leroy Merlin
Img-destacada-09-de-Julho

Todos, com certeza, sofremos com a desorganização do carro, não é mesmo? Separamos algumas dicas que tornarão o dia a dia menos complicado.

 

O primeiro passo para deixá-lo do jeito que você quer é limpar todos os compartimentos, tirar o lixo das portas e do porta-luvas. Leve tudo para fora, assim você consegue analisar quais objetos podem ser descartados. E não se esqueça de fazer o mesmo no porta-malas!

 

Depois faça as seguintes perguntas: “Quais objetos eu utilizo mais?”, “Quanto tempo eu passo dentro do carro?” e, depois, observe a sua volta e veja quais são os locais mais pertos de suas mãos. Guarde nesses lugares somente aquilo que você utiliza todo tempo: chaves, CDs, óculos de sol e dinheiro.

 

Agora, no porta-luvas você pode colocar os objetos que menos utiliza como: cremes, documentos ou papeis importantes, canetas etc. Dessa forma, abrirá menos o local deixando-o sempre do mesmo jeito.

 

Nunca deixe objetos soltos no carro, principalmente aqueles muito pequenos que podem cair no chão com uma curva brusca. Objetos caídos podem se tornar lixo.

 

Sabe aqueles sacos de lixos que geralmente o lava rápido entrega como brinde? Ele não é dispensado, utilize-o e jogue todos os papeis nele. Mas cuidado! Não deixe-o transbordar para que a organização seja mantida.

 

O porta-malas serve para guardar itens pesados e menos utilizados, mas você pode organizá-lo como um mini guarda-roupas, colocando ali blusas ou troca de roupas para dias mais frios.

 

Com dicas simples como essas, você nunca mais terá problemas em encontrar algo que precisa dentro do carro. Pratique-as e conte para nós a sua experiência!

 


5 months ago07-08 17:20 by Blog Leroy Merlin
Img-destacada-08-de-Julho

Olá pessoas!

 

Não sei se vocês são como nós, mas temos o hábito de guardar tudo o que imaginamos ser possível transformar (nem sempre sabemos bem no que, mas guardamos mesmo assim hehe).

 

Desta vez, temos um monte de garrafas de vinho. A ideia de transformar as garrafas em luminárias já é antiga. Vimos algumas ideias por aí, outras saíram da cabeça do meu marido e outras da minha.

 

Contudo, o maior desafio era cortar as garrafas. Seguimos diversas sugestões que vimos na internet sem sucesso: as garrafas sempre rachavam ou o corte ficava irregular.

 

Quando meu marido perdeu a paciência de tantas tentativas frustradas – e depois de procurar um vidraceiro que fizesse o serviço – começou a procurar algum fabricante de cortador de vidro que fosse eficiente com as garrafas.

 

Para nossa grata surpresa, encontramos e compramos. E daí foi um tal de cortar garrafas que não acabou mais. E, nestas, surgiram estas luminárias.

 

Você vai precisar de:

 

- garrafas de vidro (estas eram transparentes e incolores);

 

- lixa para ferro;

 

- álcool;

 

- tinta esmalte (usei a base d’água) na cor preferida;

 

- barbante em tom cru (ou na cor que preferir);

 

- pincel;

 

- cola branca;

 

- tesoura;

 

- kit para montagem de luminária de teto (você encontra em home centers, em lojas de materiais elétricos);

 

- 2 parafusos para cada kit;

 

- se o teto for de alvenaria, vai precisar de buchas para fixar os parafusos. Se o local foi previamente preparado para receber um lustre, então deverá ter uma caixinha metálica na espera para receber esta travessa, e as buchas não se farão necessárias – apenas os parafusos;

 

- fita isolante;

 

- chaves (de fenda ou philips, vai depender do parafuso);

 

- cortador de garrafas.

 

Passo a passo:

 

1-    Primeiro, limpe bem a garrafa removendo o rótulo (deixe mergulhada em água com vinagre de álcool) e a cola (para isso existe um produto chamado “tira-grude”, serve também querosene, tinner, terebentina);

 

2-    Corte a garrafa na altura que desejar – abaixo explico como funciona o cortador de garrafas;

 

3-    Molhe a lixa e lixe bem as bordas para que percam o fio e não causem acidentes cortando suas mãos;

 

4-    Limpe bem a garrafa internamente, lavando com detergente e, depois de seca, passando um paninho embebido em álcool;

 

5-    Depois vem a pintura da garrafa, na parte interna. Você vai derramar tinta dentro da garrafa usando um funil ou uma seringa de grosso calibre (sem agulha), e espalhar por dentro girando a garrafa – com a tinta bem espalhada no interior da garrafa, apoie o gargalo sobre uma superfície firme para o excesso de tinta escorrer. Aqui uma pequena observação: não sei se no gargalo, onde a rolha toca, é usado algum produto para facilitar sua entrada. Contudo, na parte interna do gargalo a tinta não “colou” e, tive de improvisar fazendo o acabamento com barbante no lado externo para disfarçar;

 

6-    Após a secagem da tinta, cole o barbante na parte externa do gargalo, usando o pincel para espalhar a cola;

 

7-    Os parafusos servirão para prender a “travessa” no teto que vem junto com o kit para que você possa fixar o lustre;

 

8-    Passe o fio com o soquete por dentro da garrafa cortada;

 

9-    Vem então a fase de conectar fios elétricos do kit com a fiação da casa (neste ponto, é bom você pedir auxílio de um profissional, caso não saiba como fazer). A fita isolante é usada aí;

 

10- Rosqueie uma lâmpada no soquete e pronto, sua luminária está feita.

 

O fio elétrico do kit para luminária estava dobrado na embalagem e leva um tempo, com o peso da garrafa, até que ele fique mais esticadinho.

 

A luz que vem delas é suave, alaranjada e localizada.

 

Dica: O cortador de garrafa usa como peça principal uma resistência de chuveiro elétrico. Dois tijolos refratários foram colocados em “V” e neles foi feita uma canaleta que acomodou a resistência. Com o cortador ligado na energia, basta rodar a garrafa em cima dessa resistência na altura em que se quer cortar. Em poucos segundos, o vidro estala fazendo um corte perfeito.

 

Um beijo e muita inspiração para você!

 

*Para mais dicas de bricolagem você pode conferir no blog da Luiza Mallmann, Decorar Sustentável.

 


5 months ago07-07 17:20 by Blog Leroy Merlin
Img-destacada-07-de-Julho

Não é só a gente que muda a roupa de acordo com as estações. Devagarzinho, uma mantinha ali, uma cortina mais encorpada aqui e a casa toda se prepara para se tornar mais aconchegante e quentinha para o inverno.

 

O tapete mais fofinho, a manta à mão.

 

 

Mais almofadas, mais texturas gostosas de sentir.

 

 

Qualquer sofá pode virar um ninho.

 

 

E nas camas as colchas felpudas.

  

 

Os relevos, os tricô e crochê carinhosos.

 

 

Os veludos e cores quentes.

 

 

O calor da penumbra nas cores amenas.

 

 

Um cantinho assim para ver a chuvinha cair, o tempo passar.

 

 

Bora arrumar um cantinho quente por aí?

 

*Para ver mais dicas da Rosana Silva acompanhe o blog Simples Decoração.

 


5 months ago07-04 17:20 by Blog Leroy Merlin
Img-destacada-01-de-Julho

A escolha da bancada do banheiro é muito importante. Ela precisa ser funcional e ao mesmo tempo bonita por se tratar de um dos elementos de destaque do ambiente.

 

O primeiro passo para a escolha da bancada é ter as medidas do banheiro e sua disposição. Atente-se a abertura de porta, localização de box, espaço para sentar na bacia e circulação. Com estas informações você consegue saber o tamanho máximo da bancada sem atrapalhar a circulação e o conforto do ambiente.

 

Outro ponto que deve ser considerado são as suas necessidades com relação ao uso da bancada do banheiro: o que você irá armazenar (escova de dente, pasta, cotonetes, maquiagem, secador, papel higiênico etc) e como irá armazenar (gavetas, cestos, portas, nichos etc). Lembrando que portas e gavetas devem ter espaço mínimo para abertura total e, se faltar espaço, você pode colocar um armário superior atrás do espelho.

 

A definição do material deverá seguir o estilo do banheiro, a praticidade e a sua função (lavabo, banheiro dos filhos, hospede, casal). Na Leroy Merlin você encontra bancadas em resina, acrílico, aço inox, vidro, madeira, mármore ou louça com ou sem porta-toalha, dependendo do modelo. Há também a possibilidade de fazer bancadas de porcelanato ou pastilhas, porém você deverá contratar mão-de-obra qualificada para que o resultado seja satisfatório.

 

As bancadas de porcelanato, pastilhas, granito, resina, louça e vidro são mais resistentes e práticas com relação a manutenção. Já as bancadas de acrílico, aço inox, mármore e madeira precisam de maior atenção quanto a resistência e manutenção, principalmente quando instaladas em banheiro sendo mais indicadas para lavabos.

 

Até a próxima!

 


5 months ago07-03 17:20 by Blog Leroy Merlin
led

Com a chegada desse produto, consumidores que optaram pelo novo material viram a melhora na economia e na durabilidade, pois uma lâmpada de LED, em geral, tem duração de mais de 70 mil horas.

 

Além disso, o consumidor economiza na manutenção, pois juntamente com sua durabilidade, elas têm baixa voltagem de operação evitando choques explosões e riscos de incêndios.

 

Uma lâmpada construída com leds de alta luminosidade consome em torno de 8 watts para atingir a luminosidade equivalente a uma lâmpada incandescente de 60 watts (lâmpada comum).

 

Comparando com a incandescente, o LED economiza quase 90% e dura bem mai .

 

Sua única característica que pode ser considerada uma desvantagem inicialmente é o preço. Seu valor ainda é alto comparado com a incandescente.

 

Lâmpadas de LED colorida: A luz de uma lâmpada de LED não tem de ser somente branca. Várias empresas já fabricam a lâmpada em outras cores, inclusive no tom próximo da lâmpada incandescente (amarela ou branca quente). Esse tom é sempre indicado para ambientes internos ou externos como sala de estar, jantar, dormitórios e banheiros. Em fachadas elas também podem ser utilizada.

 

A lâmpada ainda está ganhando espaço no mercado, mas com o tempo, seu valor diminuirá e serão inúmeros os seus benefícios principalmente com a evolução do seu material .

 

Depois das dicas, ótimas compras!

 

*A dica da loja desta semana é do designer de interiores Cleber Souza, consultor técnico da Leroy Merlin Tietê (SP).

 


5 months ago07-02 17:20 by Blog Leroy Merlin
Img-destacada-01-de-Julho

Você sabia que manter um ambiente de trabalho sempre organizado, promove maior desempenho e ajuda a mente a produzir mais?

 

Alguns objetos são essenciais para essa organização. Olha só:

 

Nichos ou prateleiras: Você pode utilizá-los para guardar livros, agendas, equipamentos, formulários e até mesmo objetos de decoração para trazer inspiração na hora de trabalhar.

 

Organize cada objeto por categoria ou por ordem alfabética, você vai ver como ficará mais fácil de encontrar algo que precisa.

 

Gaveteiros ou armários de carrinho: Sabe quando você não consegue sair nem um minuto da cadeira para pegar o que precisa?

 

Deixe um armário de correr sempre por perto com os arquivos ou objetos que necessita e quando o dia terminar coloque-o em algum canto do escritório para não ocupar espaço.

 

Porta-canetas: Não deixe seus lápis e canetas espalhados pela mesa, mantenha-os em um porta-canetas perto das mãos para facilitar na hora de utilizá-los.

 

Organizadores de gaveta: Você possui muitos objetos, papeis, prendedores de papel, cola, tesoura ou materiais pequenos? Utilize esse organizador e separe todas as peças em espaços pequenos, você sentirá a diferença no momento de procurar algo na gaveta.

 

Lousa: Organize suas tarefas diárias anotando tudo em uma lousa pequena, ou utilize lembretes para não se esquecer da função do dia.

 

A mesa deve conter somente o necessário, o que iremos utilizar a todo momento. Quanto menos papeis em cima dela melhor organizado ficará seu espaço.

 

Aproveite essas dicas, utilize-as no seu dia a dia e conte para nós a experiência de uma mesa mais limpa e cheia de inspirações!

 

 


5 months ago07-01 17:20 by Blog Leroy Merlin
img destacada

Pessoas queridas, tudo bem? Espero que sim!

 

Vocês sabem que eu sempre via alguns trabalhos em madeira de demolição e pensava: como foi feita esta pintura? E acabei descobrindo por acaso!

 

Você só precisa de:

 

- uma janela antiga que queira customizar;

 

- tinta para madeira;

 

- removedor de tintas em gel;

 

- espátula;

 

- lixa nº100 para madeira ou lixadeira orbital;

 

- verniz acrílico fosco para artesanato, seladora ou cera em pasta incolor.

 

Passo a passo:

 

1- Remova toda a tinta da janela com a espátula caso queira pintar a janela, senão deixe algumas partes completas com tinta (percebi que, se na última camada de tinta utilizar a espátula apenas algumas partes, retirando a tinta, e deixando tinta em alguns lugares, eu conseguiria o efeito que há tempos procurava);

 

2- Utilize removedor de tintas em gel para retirar a pintura antiga. Há vários removedores de tintas no mercado e sempre ouvi falar bem deles. Para cada camada de tinta, é necessária a aplicação de uma camada de removedor;

 

3- Aplique o removedor com uma espátula, com muito cuidado. Espere 15 minutos que é quando a tinta começa a fazer bolhas e estufar. Remova a tinta com outra espátula. Eu removo camada por camada, até chegar na madeira;

 

4 – Quando alcançar o resultado desejado, dê uma bela lixada na madeira, com a lixadeira orbital ou a lixa nº100 para madeira;

 

5- Depois, aplique verniz acrílico fosco para artesanato. Vocês podem aplicar seladora ou cera em pasta incolor, ao invés do verniz. A madeira fica linda!

Atenção: quando usar o removedor, faça o trabalho em uma área bem ventilada e trabalhe com luvas e máscara, pois ele tem um cheiro muito forte.

 

Espero que vocês gostem e que se inspirem muito!

 

Beijos.

 

*Para ver outros trabalhos com madeiras de demolição acesse Além da Rua Atelier.

 


5 months ago06-30 17:20 by Blog Leroy Merlin
Img-destacada-30-de-Junho

Quem não parou duas vezes para pensar em pregar um quadro naquela parede tão bem pintada e colorida de casa?

 

Pois é, sei bem o que é isso!

 

Então, para que seu quadro ou arte seja valorizada e tenha impacto é necessário que esteja esteticamente bem posicionada.

 

Você pode posicioná-la por tamanho, assunto, cor ou tema. O importante é não sair colocando os quadros aleatoriamente.

Algumas regras básicas para pendurá-los na parede devem ser levadas em consideração. Acho que a disposição de quadros é uma coisa bem pessoal, mas você deve mantê-los organizados, como em uma colagem.

 

Existem regras importantes que ajudarão bastante antes que você saia furando as paredes de sua casa e depois acabe se arrependendo.

 

- A altura máxima de um quadro é determinada pelo batente superior da porta;

 

- O ideal é pendurar o quadro a uma altura padrão de 1,60cm do piso, assim fica na altura dos olhos;

 

- Atrás de alguma mobília você deverá colocar os quadros a uma altura de 30cm acima dela;

 

- Sempre faça um pequeno esboço dos quadros que pretende pendurar, isso lhe dará uma ideia de como ficará a composição final.

 

Dicas para você não errar

 

- Coloque os quadros que você quer pendurar sobre folhas de papel e risque o contorno. Recorte e fixe com fita adesiva na parede na posição que desejar. Comece a dispor com os papéis até chegar à disposição que você imaginou;

 

- Não coloque um quadro pequeno isolado em uma parede de grandes dimensões;

 

- Quadros grandes não devem ficar espremidos em paredes de dimensões reduzidas;

 

- Paredes de cor neutra comportam um número maior de quadros. As de tonalidades mais escuras dão maior destaque aos quadros de cores claras;

 

- Numa composição com vários elementos, coloque o que possui cores mais fortes no centro;

 

- Composições verticais tornam o ambiente visualmente mais alto. Já as horizontais acentuam a largura do ambiente;

 

- Uma obra de arte importante deve ficar no ponto focal podendo ela ficar sozinha na parede.

 

*Para conferir outras dicas da Claudia de Sá é só acompanhar o Coisas da Claudia.

 


5 months ago06-27 17:20 by Blog Leroy Merlin
27-de-Junho

A partir do dia 30 de junho de 2014 não poderá ser mais comercializadas lâmpadas incandescentes de 60 e 100w. A previsão é de que até 2017 as lâmpadas de menor potência também saiam de circulação.

 

Essa regulamentação, (Plano de Metas estabelecido na Portaria Interministerial nº 1007/2010) que tem por objetivo elevar a participação de modelos com maior eficiência, já existe e desde 2010 já saíram de circulação as lâmpadas incandescentes de maior potência.

 

Essa medida a princípio parece não beneficiar o consumidor, pois o mesmo fará um investimento maior trocando as lâmpadas incandescentes padrão por novas lâmpadas, porém a economia vem no decorrer do tempo.

 

As lâmpadas incandescentes gastam mais energia, iluminam menos e têm vida útil menor do que os produtos mais recentes. As lâmpadas incandescentes consomem quatro vezes mais energia e duram oito vezes menos que as fluorescentes compactas, por exemplo, o que as tornam, no final das contas, muito mais caras para o bolso do consumidor.

 

Além disso, com a sua substituição, o meio ambiente ganhará com a menor produção de calor, de CO2 e, portanto, de efeito estufa e o país ganhará economizando recursos para gerar e transmitir energia.

 

As lâmpadas incandescentes podem ser substituídas pelas lâmpadas fluorescentes compactas (LFCs), pelas halógenas ou mesmo pelas de LED.

 

Ficou com alguma dúvida? Se sim, mande já a sua pergunta para o Fale com o Profissional.

 

Até a próxima!

 


5 months ago06-26 17:20 by Blog Leroy Merlin
20ª-Semana---26-de-Junho

Você precisa colocar uma porta no seu ambiente, mas está com problema de espaço. Na Leroy Merlin você irá encontrar portas sanfonadas em diversos tamanhos e marcas para solucionar seu problema.

 

Com as portas sanfonadas, você ganha espaço em seu ambiente, com baixo custo e ainda ajuda a minimizar ruídos.

 

Antigamente a porta sanfonada só era utilizada em banheiros, hoje em dia são indicadas para salas de estar, escritórios, áreas comerciais, escolas, cozinhas, área de serviço, despensas, quartos, closet, banheiros, lavabos e onde mais você precisar de uma porta e que tenha pouco espaço.

 

Hoje a Leroy Merlin oferece portas feitas em PVC. O PVC é mais durável e com isolamento acústico, dispensa pintura, é imune a cupins, umidade, fungos, mofo, maresia e corrosão. Mas se for utilizada na área com exposição ao sol, pode haver desbotamento da cor mais rápido.

 

Para limpeza basta água e sabão neutro.

 

Na Leroy Merlin você também encontra a porta sanfonada de PVC translúcida, feita com acrílico translúcido no centro de cada lâmina, que além de ampliar os espaços também faz com que você ganhe mais luminosidade para o seu ambiente.

 

Dica: Para colocação da porta procure um profissional, mesmo sendo de fácil instalação a porta sanfonada necessita de acabamentos que apenas o profissional saberá fazer.

 

*A dica dessa semana é da Designer e Consultora técnica Fabiana Bessa, da loja de Jacarepaguá – RJ

 

 


Report bugs
About Smashing Reader
Contact
Navigation keys: left, right, ALT